A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

Quem inventou o gás de cozinha

Quem inventou o gás de cozinha Quem inventou o gás de cozinha

O gás de cozinha foi inventado em meados do século XIX pelo químico britânico William Murdoch. Naquela época, os lares usavam combustíveis sólidos, como lenha e carvão para aquecer suas casas. Murdoch percebeu que o carvão poderia ser queimado de forma mais eficiente produzindo um gás combustível. Ele criou a primeira fornalha de gás de carvão, que permitia que os lares tivessem um combustível mais limpo, leve e fácil de usar.

Murdoch também inventou a primeira lâmpada a gás em 1792. A lâmpada foi projetada para funcionar com o gás de carvão e era muito mais brilhante do que as velas usadas na época. Em 1812, ele patenteou sua invenção da lâmpada a gás e começou a produzi-la em larga escala.

Durante as décadas seguintes, outros inventores contribuíram com avanços importantes para tornar o gás de cozinha mais seguro e acessível. Em 1821, o inventor francês Philippe Lebon patenteou uma maneira de armazenar o gás em garrafas, tornando possível que ele fosse transportado facilmente para qualquer local onde fosse necessário. Em 1823, o engenheiro britânico Frederick Winsor patenteou o primeiro sistema de distribuição de gás de carvão público, permitindo que os moradores das cidades tivessem acesso à iluminação através do uso do gás.

Atualmente, os gases utilizados para fins domésticos são produzidos principalmente a partir do petróleo e do gás natural, mas os princípios básicos descobertos por Murdoch permanecem os mesmos: oferecer combustível confiável e limpo para aquecimento doméstico e iluminação pública.